Telemedicina na prevenção da doença renal - EuSaúde
Telemedicina da prevenção da doença renal: Imagem tecnológica e ilustrativa de um corpo humano focando nos rins

Telemedicina na prevenção da doença renal

Por: Stephania Reis
Data: 10/03/2022

Telemedicina da prevenção da doença renal

O Dia Mundial do Rim (DMR) em 2022 será comemorado no dia 10 de março, a campanha mundial tem como objetivo disseminar informações sobre prevenção, diagnóstico e tratamento da doença renal. Vale ressaltar que uma em cada 10 pessoas no mundo podem ter doença nos rins. Preparamos esse blog para você entender mais sobre o assunto e suas formas de tratamento.

O que é insuficiência renal?

É a incapacidade dos rins de filtrar o sangue com o objetivo de eliminar substâncias que podem ser tóxicas para o organismo quando estão em grandes concentrações no sangue, como ureia e creatinina, por exemplo.

De forma geral, essa doença pode ser classificada em duas de acordo com a velocidade com que há perda no funcionamento do órgão e início dos sintomas:

  • Insuficiência renal aguda, em que há uma rápida redução da função renal;
  • Insuficiência renal crônica, em que há perda gradual da função dos rins, levando ao surgimento de sintomas progressivos.

Sinais de insuficiência renal

Existem alguns sinais de que seus rins podem estar parando de funcionar. Dentre eles: diminuição da produção de urina, retenção de líquidos com inchaço das pernas, tornozelos e pés, falta de ar ou fadiga. Se você sentir algum destes sintomas, é importante procurar sua equipe de saúde para entender a necessidade de realização de mais exames ou de algum tipo de tratamento.

Fatores de risco

A idade avançada, problemas renais prévios, comorbidades como diabetes e hipertensão são alguns dos fatores de risco para desenvolvimento de problemas nos rins. Por isso é muito importante que você acompanhe com sua equipe de saúde todos os seus problemas de saúde, realizando os exames que forem pedidos e seguindo as orientações por ela propostas.

Devo começar diálise?

A diálise é um procedimento que pode funcionar como uma terapia de substituição renal, ou seja, fazer o papel de um rim que não está mais funcionante, regulando possíveis desequilíbrios no organismo que podem causar problemas maiores. Além disso, existem algumas indicações de diálise de urgência, que serão mais específicas para casos graves e, em geral, em pacientes que já estão internados. Apenas o acompanhamento com sua equipe de saúde poderá dizer se existe ou não a necessidade de iniciar a diálise, quais as técnicas a serem adotadas e a frequência necessária.

Como prevenir?

A insuficiência renal pode ser prevenida através do controle rigoroso dos fatores de risco. Uma alimentação balanceada, o controle da pressão arterial e dos níveis de açúcar no sangue são essenciais para prevenir problemas nos rins. Siga sempre todas as recomendações e orientações da sua equipe de saúde.

Telemedicina da prevenção da doença renal

6 atitudes para proteger seus rins

  1. Não fume;
  2. Vá devagar com a bebida;
  3. Só use analgésicos com orientação;
  4. Adote uma alimentação equilibrada;
  5. Mantenha a diabetes e pressão na rédea curta;
  6. Não tome suplementos sem orientação nutricional.
Guilherme Quinto, nutricionista do EuSaúde, explica os riscos da suplementação sem orientação nutricional.

Tratamento

Geralmente, a insuficiência renal aguda tem cura, porém a insuficiência renal crônica nem sempre tem cura e o tratamento normalmente é feito por meio de hemodiálise ou transplante de rim para melhorar a qualidade de vida do paciente e promover o bem-estar.

O tratamento de pacientes de pacientes renais progressivos pode ser em vários componentes, como:

  • Programa de promoção à saúde e prevenção primária;
  • Identificação precoce da disfunção renal (DRC);
  • Detecção e correção de causas reversíveis da doença renal;
  • Diagnóstico etiológico (tipo de doença renal);
  • Definição e estadiamento da disfunção renal;
  • Instituição de intervenções para retardar a progressão da doença renal crônica;
  • Prevenir as complicações da doença renal crônica;
  • Modificar comorbidades comuns a estes pacientes;
  • Planejamento precoce da terapia de substituição renal (TSR).

Acompanhamento

Cada indicação de diálise é realizada individualmente. Pode ser que você precise fazer uma, duas, três ou até mais vezes por semana, assim como você pode precisar fazer até conseguir uma estabilização clínica. Tudo isso será ditado pelo seu estado de saúde e pelos seus exames, que sempre devem ser acompanhados pelos profissionais da sua equipe.

Telemedicina da prevenção da doença renal

Acompanhamento de pacientes com doença renal
através da telemedicina do EuSaúde

EuSaúde tem seus princípios na Atenção Primária à Saúde (APS). Nossos médicos de família e comunidade dão destaque às medidas de prevenção de doenças e na promoção da melhoria na qualidade de vida

Como já dito, o programa de promoção à saúde e prevenção primária são fundamentais para o paciente renal. Nesse caso, as formas de prevenção e tratamento estão presentes principalmente na adoção de hábitos mais saudáveis e detecção precoce da doença.

Sendo assim, a telemedicina se torna uma alternativa promissora e viável. Já que o cuidado é feito de forma contínua e trabalha todos os aspectos e necessidades do paciente.

Telemedicina da prevenção da doença renal

Médico de Família e Comunidade: conheça essa especialidade

LEIA TAMBÉM

Post Relacionados

Telemedicina na prevenção da doença renal

Telemedicina da prevenção da doença renal O Dia Mundial do Rim (DMR) em 2022 será comemorado no…

Câncer: suporte social, espiritualidade e equipe médica

Tenho câncer, e agora? Receber a notícia de que tem câncer não é fácil. É…

Alzheimer: sinais de alerta x normalidade do envelhecimento

O Alzheimer é um distúrbio progressivo que faz com que as células do cérebro se…

AVC em mulheres: fatores de risco e sintomas

AVC De acordo com o Ministério da Saúde, as doenças cerebrovasculares estão no segundo lugar…

Diabetes: cuidados que devo ter no verão

Durante o verão, muitas pessoas vão à praia, mudam suas rotinas alimentares e de exercício.…

EuSaúde e seus diferencias na prática da telemedicina

EuSaúde Hoje em dia o mercado conta com um grande leque de opções de empresas…

Médico de Família e Comunidade: conheça essa especialidade

Médico de Família e Comunidade Contar com atendimento médico personalizado, que te acompanha em todas as…

Prematuridade: A importância do pré-natal para preveni-la

Muitos partos prematuros podem ser evitados com cuidados preventivos, nesse texto o EuSaúde vai te mostrar alguns deles. De…

Telemedicina: 6 fatores de qualidade para escolher a melhor

O que é Telemedicina?  A telemedicina é uma especialidade médica que disponibiliza serviços à distância…

Fisioterapia, atenção primária à saúde e médico de família

A fisioterapia possui um papel importante para a melhoria da qualidade de vida dos pacientes,…

Outubro Rosa e telemedicina no rastreamento do Câncer de mama

A campanha do Outubro Rosa é destinada a relembrar a importância da prevenção, detecção e…

Dia do professor: Educação e telemedicina

Todo profissional competente em alguma área passou por salas de aulas comandadas por um bom…

Conheça a história de David, que dará exemplo de inclusão no Rally dos Sertões

David César é um dos integrantes da equipe Pocorrê. Sua presença na prova será um…

Tocofobia: entenda mais sobre o medo exagerado de engravidar

Quando exagerado, receio em virar mãe pode levar a um quadro de fobia Pexels Muitas…

Sem protocolo, governo federal força retorno das aulas presenciais

Ministros da Educação e da Saúde querem a retomada do ensino nas escolas, mas não…