Importância da consulta farmacêutica e dicas valiosas - EuSaúde
Consulta Farmacêutica - Imagem com vários remédios coloridos ao fundo, mais ao centro um recipiente em formato de coração preenchido de remédios brancos.

Importância da consulta farmacêutica e dicas valiosas

Por: Paula Ferreira
Data: 03/09/2021
Consulta Farmacêutica - Imagem com vários remédios coloridos ao fundo, mais ao centro um recipiente em formato de coração preenchido de remédios brancos.

Você conhece a consulta farmacêutica e como ela pode te ajudar no acompanhamento e melhora do tratamento terapêutico?

O que é a consulta farmacêutica?

A consulta farmacêutica tem como objetivo ajudar o paciente a alcançar melhores resultados com a farmacoterapia prescrita pelo médico, promover o uso racional de medicamentos e de outras tecnologias em saúde. 

Os serviços farmacêuticos orientados podem melhorar resultados clínicos como: o gerenciamento da hiperglicemia em diabéticos; gerenciamento dos níveis de pressão arterial e colesterol, entre outros, melhorando o bem estar do paciente, bem como orientá-lo na prevenção de doenças.  

Além disso, pode melhorar também a qualidade de vida de pessoas com condições crônicas como: diabetes, hipertensão e asma.   

Outra função do cuidado farmacêutico é reduzir a utilização dos serviços de saúde e as taxas de hospitalização.  

Telemedicina para consulta farmacêutica do EuSaúde para você

No EuSaúde é realizada uma teletriagem orientada, entre o paciente e o médico. Sendo um importante momento para esclarecer, com agilidade, as dúvidas e queixas do paciente , sem que ele precise se deslocar.  Caso necessário, o médico encaminha o paciente para a consulta farmacêutica. 

O farmacêutico durante a consulta faz o acompanhamento dos resultados de seus tratamentos terapêuticos, organiza e orienta quanto ao uso, conservação e aplicação correta dos medicamentos. Tudo isso conforme a sua rotina e a prescrição médica preexistente.    

Ele também avalia a adesão quanto ao tratamento já prescrito, examina o conjunto de medicamentos que o paciente está usando, identifica possíveis interações medicamentosas e, quando necessário, faz contato com outros profissionais de saúde que já o acompanham, para discutir o tratamento.     

Agora, você tem atenção farmacêutica como ponto de apoio e referência à saúde em qualquer lugar do Brasil, e a qualquer momento. Mas, se ainda ficou alguma dúvida clique e entre em contato conosco

Perigos do não acompanhamento farmacêutico

Quem nunca tomou um remédio sem prescrição após uma dor de cabeça ou febre? Ou pediu opinião a um amigo sobre qual medicamento ingerir em determinadas ocasiões?  

Segundo o departamento de Pesquisar do ICTQ, no Brasil, mais de 20 mil pessoas morrem por intoxicação medicamentosa todos os anos. Dados como estes são extremamente preocupantes e reforçam o motivo pelo qual o EuSaúde se preocupa em promover iniciativas em prol da qualidade de vida da população. 

Consumir medicamentos de forma inadequada ou usá-lo de forma irracional também pode causar dependência e reações alérgicas. 

Além disso, os chás em geral alteram os movimentos do estômago, o que pode interferir no processo de absorção do medicamento. 

“A automedicação leva ao agravamento da doença, já que a utilização inadequada de medicamentos pode esconder determinados sintomas e fazer com que a doença evolua de forma mais grave”, observa a Anvisa. 

O que não fazer durante o tratamento terapêutico 

Como já dito, em nenhuma hipótese se automedique, são diversas complicações e danos que essa prática pode causar no seu organismo, saiba os perigos de se medicar por conta própria.  

A automedicação é um dos exemplos de uso indevido de remédios, considerado um problema de saúde pública no Brasil e no mundo. 

Não use plantas medicinais junto com medicamentos sem se informar antes com o médico ou farmacêutico que te atende. Nunca tome medicamentos com chás ou outros produtos à base de plantas medicinais, porque podem causar problemas sérios para o seu organismo.  

Além disso, os chás em geral diminuem os movimentos do estômago, o que pode interferir no processo de absorção do medicamento.  

Não se medique fora do horário prescrito, se o medicamento for ingerido em intervalos maiores do que o indicado, sua eficácia diminui. Caso o intervalo seja menor do que o receitado pelo médico, também pode haver risco de intoxicação.  

Nunca é uma boa ideia interromper tratamentos (principalmente com antibióticos) sem antes discutir com o profissional prescritor. Pelo simples fato de que a doença pode não ser curada adequadamente e o microrganismo pode desenvolver resistência aos medicamentos.  

Um estudo feito pela Anvisa em 64 hospitais de todo o país, identificou casos de resistência a antibióticos nas Unidades de Terapia Intensiva (UTIs).   

Checklist de como você deve tomar os seus medicamentos

Confira abaixo nosso checklist de orientações sobre o uso correto dos medicamentos.

  • Os medicamentos devem ser tomados com água. Evite tomar com leite, sucos, refrigerantes ou bebidas quentes como café e chá. A água não altera o efeito dos medicamentos. Outras bebidas podem diminuir ou aumentar o efeito esperado, e ser prejudicial à saúde.
  • O horário de tomada dos medicamentos deve ser respeitado, seguindo sempre a prescrição médica, pois os intervalos entre uma dose e outra devem ser cumpridos para que o tratamento funcione e não haja riscos à saúde. 
  • Busque previamente orientação médica ou farmacêutica para saber se o seu medicamento deve ser administrado com ou sem alimento.
  • Nunca tire os medicamentos das embalagens originais.
  • Anote na embalagem o horário de tomada do medicamento.
  • Siga sempre a prescrição médica.
  • Faça uma lista com os nomes, dosagens e horários dos medicamentos que está tomando.
  • Mantenha essa lista com você e outra em um local visível para todos na casa.
  • Deixe uma cópia com amigo ou parente para emergências.
  • Atualize essa lista a cada consulta ou alteração.
  • Consulte um médico ou farmacêutico do EuSaúde sobre efeitos adversos.

Telemedicina e consulta farmacêutica é no EuSaúde. Conheça nossas soluções e comece a cuidar da sua saúde já! 

Post Relacionados

Importância da consulta farmacêutica e dicas valiosas

Você conhece a consulta farmacêutica e como ela pode te ajudar no acompanhamento e melhora…

Nutrição: preparamos dicas e receitas para você

EuSaúde – Mais de 15 especialidades médicas, incluindo nutrição. O profissional da nutrição é responsável…

Amamentação: 5 segredos do aleitamento materno

Agosto é também destinado para a Amamentação. O aleitamento materno é uma questão de saúde…

Saúde: A importância e os cuidados para com ela.

Imagem com o fundo branco composta por vários itens que remetem à saúde – nas…

Cardiopatias congênitas: as doenças do coração que nascem com a pessoa

Cardiopatia congênita é uma doença do coração que surge ainda na fase de formação do…

Atenção primária: como ela beneficia você e o sistema de saúde

Hoje em dia, é normal que uma pessoa com dor de cabeça, procure um neurologista.…

Dia da Imunização: o mundo todo só pensa em vacinas!

Seja em forma de gotinhas ou através das agulhas, as vacinas são extremamente necessárias para…

Problemas na tireoide: causas, sintomas e formas de tratamento

Você provavelmente já ouviu falar sobre tireoide, mas ficou na dúvida a respeito de onde…

Gravidez tardia: riscos e cuidados para quem quer engravidar depois dos 35

Ainda que engravidar seja o sonho de grande parte das mulheres, muitas delas vêm optando…

Sintomas respiratórios mais comuns e quando buscar ajuda médica

O Dia do Pneumologista, especialidade médica responsável pelo tratamento das patologias das vias aéreas inferiores,…

Saúde da mulher: reflexões e desafios em tempos de pandemia

Por muitos anos as mulheres foram reprimidas e não tiveram acesso à informação, liberdade de…

Métodos contraceptivos femininos: como escolher o ideal para você?

Durante a história da humanidade, homens e mulheres nem sempre estavam dispostos e interessados em…

AVC em mulheres: fatores de risco e sintomas

De acordo com o Ministério da Saúde, as doenças cerebrovasculares estão no segundo lugar no…

Doença de Parkinson: é possível ter qualidade de vida após o diagnóstico?

No Brasil, aproximadamente 200 mil pessoas convivem com a enfermidade que, apesar de não ter…

Por que o EuSaúde deve ser a sua clínica de telemedicina?

A telemedicina, medicina exercida através das tecnologias da informação, vem se popularizando por possibilitar que…